Trade marketing digital: para que serve e como fazer - 40graus

Trade marketing digital: para que serve e como fazer


12/11/18 às 18:23

Redação

O mundo está cada vez mais conectado graças à internet, e o trade marketing tem se adequado a essa realidade por meio do trade marketing digital, que tem os mesmos objetivos das estratégias tradicionais com o diferencial de serem aplicadas a canais online.

Essa estratégia visa conquistar a atenção do shopper e aumentar as vendas, inclusive no ambiente offline. Quer saber tudo sobre trade marketing digital? Então continue a leitura.

O que é trade marketing digital?

Se o trade é fundamental para execuções perfeitas no PDV, e isso é possível com a ajuda de um sistema de trade marketing, a estratégia digital se dedica à gestão dos canais online e trabalha para evitar rupturas digitais, otimizar a variedade de produtos e demais questões que ocasionam a desistência da compra de um determinado produto.

Sendo assim, o trade marketing digital é uma estratégia voltada para o meio do funil de vendas, compreendendo as fases da consideração e conversão, ou seja, quando o consumidor está dentro do e-commerce procurando um produto.

Qual o objetivo do trade marketing digital?

O objetivo é influenciar o shopper no momento mais crítico da decisão de compra, quando ele faz a comparação entre a experiência de compra em uma loja física e no e-commerce.

Essa é uma tendência que vem transformando o varejo, já que o cliente pesquisa na internet e busca uma experiência na loja. O online proporciona ao consumidor tomar decisões a qualquer hora e lugar, consultando seus smartphones.

Isso requer das empresas um esforço para entregas de experiências cada vez melhores, tanto no ambiente offline quando online, já que ninguém quer perder este shopper para o concorrente.

Qual a influência do trade marketing digital nas lojas físicas?

Em suma, o trade marketing digital não trata-se apenas de criar uma estratégia online, mas integrar os cenários offline e online.O cliente atual é omnichannel, ou seja, ele entra no ponto de venda, pesquisa em dispositivos onlines e decide se irá comprar naquele PDV ou se irá comprar em outro lugar. Por isso, os canais de venda devem estar ainda mais antenados quanto ao comportamento dos clientes e quais os motivos que os levam à compra.

Nesse cenário, é preciso investir em estratégias de trade marketing digital para absorver uma grande quantidade de shoppers que procuram uma compra mais vantajosa, e que ao mesmo tempo otimize o seu tempo.

Assim, o objetivo do trade marketing digital é prover ao consumidor a melhor experiência de compra, independente da forma como ele vai interagir com a sua marca, seja mobile, desktop, na loja, ou todas elas juntas.

Quais os desafios do trade marketing digital?

No dia a dia, há muitos desafios a serem vencidos para que o trade marketing digital possa oferecer o resultado esperado, como por exemplo, a necessidade de integrar os departamentos das empresas e capacitar os profissionais envolvidos na cadeia sobre o tema. Essas questões tendem a ser resolvidas com o tempo e a colaboração constante entre as indústrias e os varejistas.

Mas existem empresas bem estruturadas que já fazem uso do trade marketing digital, e que estão conquistando mercados e se destacando de seus concorrentes no universo do e-commerce, pois sabem que o meio digital é capaz de otimizar a percepção da marca e influenciar o consumidor no momento da compra.

Para isso, usam um bom planejamento ou metodologia baseada em inteligência competitiva, acesso a dados e aumento da presença digital, com uma gestão completa do conteúdo que é oferecido no PDV para engajar o consumidor.

Portanto, o trade marketing digital já é uma realidade que vem conquistando os clientes, e o quanto antes as empresas e gestores se adequarem a essa realidade, mais competitivos se tornarão diante de seus mercados.

O Leitor Comenta