Milhares celebram o Dia Nacional da Consciência Negra na Serra da Barriga - 40graus

Milhares celebram o Dia Nacional da Consciência Negra na Serra da Barriga


20/11/18 às 18:36

Redação

Imagem: divulgação

Milhares de pessoas subiram a Serra da Barriga, em União dos Palmares, a 80 km de Maceió, para reverenciar Zumbi e celebrar o Dia Nacional da Consciência Negra, neste 20 de novembro, terça-feira.

O governador em exercício, Luciano Barbosa, participou da solenidade.  “Hoje é um dia muito importante não só para a comunidade negra, mas para todo o povo brasileiro; eu diria até para a humanidade. Além de ser uma luta travada pelo fim da escravidão, o Quilombo dos Palmares representou, também, uma luta pela liberdade antes mesmo da Revolução Francesa acontecer.

Isso significa que somos precursores de toda essa luta que a humanidade tem travado ao longo dos tempos”, disse Luciano Barbosa.  A Serra da Barriga foi a sede do Quilombo dos Palmares, onde viveram, entre 1597 e 1695, mais de 30 mil negros, grande parte fugida do cativeiro e que se autodeclarava liberta da escravidão, sob o comando de Zumbi dos Palmares. Ele foi morto em combate na Serra Dois Irmãos, em Viçosa, no dia 20 de novembro de 1695. 

“A Serra da Barriga abrigou o maior quilombo do mundo, um quilombo de resistência onde viveram Zumbi e Dandara, guerreiros reconhecidos internacionalmente. Ver aqui os povos dos terreiros, os capoeiristas e os turistas reunidos representa toda essa miscigenação que é o Brasil”, afirmou a secretária de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos, Maria José da Silva. 

Símbolo da resistência contra a escravidão, Zumbi lutou também pela liberdade de culto religioso e pela prática da cultura africana no Brasil. O dia de sua morte, 20 de novembro, é celebrado em todo o território nacional como o Dia da Consciência Negra. 

“Aqui se celebra não a morte de Zumbi, aqui se celebra não o fim do Quilombo, aqui se celebra exatamente a vida, a liberdade e o direito das pessoas construírem a sua liberdade, mesmo sob as condições mais adversas”, ponderou o secretário de Estado da Comunicação, Enio Lins, que também acompanhou o governador durante a solenidade. 

No platô da Serra da Barriga, Luciano Barbosa e o presidente da Fundação Palmares, Erivaldo Oliveira, depositaram flores no Memorial a Zumbi, ao som ritmado dos atabaques, que substituiu a ruidosa salva de tiros, em homenagem ao herói nacional.  

“Aqui não queremos tiros, porque assim Zumbi foi morto. Aqui queremos celebrar a vida, a liberdade”, justificou o presidente da Fundação Palmares.  

PAVIMENTAÇÃO 

Por meio do Programa Pró-Estrada, o Governo do Estado está implantando a estrada de acesso à Serra da Barriga. A obra vai favorecer e consolidar o turismo histórico, étnico e cultural.

No ano passado, a Serra da Barriga recebeu a certificação de Patrimônio Cultural do Mercosul.  A obra de implantação e pavimentação tem 7,4 quilômetros e está orçada em cerca de R$ 8 milhões. Mais de 63% dela já foi concluída e a previsão é de que fique pronta até abril do próximo ano.   

A ideia do Governo do Estado era justamente inaugurar a obra neste 20 de novembro, mas prospecções arqueológicas feitas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) na área tombada detectaram importantes achados, o que retardou um pouco o ritmo dos trabalhos de construção.  

Da parte urbana à base da Serra, o trecho será em asfalto e dali até o platô, em paralelepípedos. O prefeito de União dos Palmares, Areski Freitas, afirmou que a pavimentação do acesso à Serra da Barriga é uma reivindicação antiga, existente desde o tombamento do Parque Memorial Zumbi dos Palmares, em 1985, e que agora está prestes a ser implementado pelo Governo do Estado.  

“O governador Renan Filho está concretizando esse sonho, possibilitando o acesso à Serra da Barriga de inverno a verão. Isso vai incentivar o turismo e favorecer a economia do município, possibilitando também que a gente divulgue e preserve ainda mais a história de Zumbi dos Palmares”, destacou “Kiu”, como é conhecido o prefeito de União dos Palmares. O governador encontra-se em férias.

O presidente da Fundação Palmares também destacou a parceria com o Governo do Estado para a realização das festividades do 20 de Novembro. “Em tempos de vacas magras, o Governo do Estado deu toda a estrutura necessária para a realização do evento deste ano. Antes, muitos turistas que chegavam para visitar a Serra da Barriga no inverno não tinham como subir por causa da chuva e hoje temos uma estrada que está ficando maravilhosa”, acrescentou.  

Participaram, ainda, da solenidade o deputado federal Paulo Fernando dos Santos (PT), o “Paulão”, e o estadual Rodrigo Cunha (PSDB), eleito senador.

*Severino Carvalho – Agência Alagoas

O Leitor Comenta

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com