Rafinha: o desafogo de Mano para substituir destaques do Cruzeiro - 40graus

Rafinha: o desafogo de Mano para substituir destaques do Cruzeiro

11/10/18 às 17:43

Redação

Josias Pereira | @supernoticiafm
11/10/18 – 17h43

O meia-atacante Rafinha é uma espécie de 12º do técnico Mano Menezes ao lado de Lucas Romero. Suas atuações no time titular são recorrentes e sempre substituindo peças fundamentais no elenco. Na vitória sobre o Corinthians por 1 a 0 na noite dessa quarta-feira, no Mineirão, ele entrou em campo no lugar de Arrascaeta, 

Mas Rafinha também é a opção para substituir nomes como Thiago Neves e até mesmo Robinho. “Substituir o Arrascaeta, Thiago Neves e Robinho, nunca é fácil. São titulares e sempre fica a dúvida de quem vai jogar. Estou jogando por uma vaga. Não importa se quem está de fora é melhor do que eu, não ligo para isso. Temos um grupo qualificado, Fred, Sobis, David”, analisa o jogador. 

Rafinha firmou-se no início da temporada como um dos melhores jogadores do elenco, sendo inclusive o artilheiro do time. No entanto, ele acabou perdendo espaço no time para a entrada do desenho tático que se apresenta atualmente. 

Na próxima quarta-feira, ele tem a chance de voltar a campo como titular, mas Rafinha torce para que Arrascaeta consiga chegar a tempo e ficar à disposição para poder atuar. Mano declarou nessa quarta-feira que o jogador chegaria no dia 17, data do jogo, por volta das 16h. Há a possibilidade também de Oscar Tabárez, técnico da seleção uruguaia, de liberar o atleta do segundo amistoso dos uruguaios, marcado para o dia 16, contra a Coreia do Sul. 

“Expectativa você tem que ter sempre, independentemente se você vai jogar ou não, é preciso ter esta expectativa dentro de você. O Arrascaeta é um grande jogador, atleta de Copa do Mundo. Quando ficamos sabendo que ele não seria liberado para esse primeiro jogo, a gente ficou chateado porque sempre queremos ter força máxima para enfrentar nossos adversários. Independentemente se ele vai jogar ou não na próxima, eu estou preparado, assim como outros jogadores do elenco. A gente torce para que ele esteja neste jogo porque ele atuou na maioria dos jogos do campeonato”, encerrou o jogador.  

 

fonte: O Tempo

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com


Rafinha: o desafogo de Mano para substituir destaques do Cruzeiro


11/10/18 às 17:43

Redação

Josias Pereira | @supernoticiafm
11/10/18 – 17h43

O meia-atacante Rafinha é uma espécie de 12º do técnico Mano Menezes ao lado de Lucas Romero. Suas atuações no time titular são recorrentes e sempre substituindo peças fundamentais no elenco. Na vitória sobre o Corinthians por 1 a 0 na noite dessa quarta-feira, no Mineirão, ele entrou em campo no lugar de Arrascaeta, 

Mas Rafinha também é a opção para substituir nomes como Thiago Neves e até mesmo Robinho. “Substituir o Arrascaeta, Thiago Neves e Robinho, nunca é fácil. São titulares e sempre fica a dúvida de quem vai jogar. Estou jogando por uma vaga. Não importa se quem está de fora é melhor do que eu, não ligo para isso. Temos um grupo qualificado, Fred, Sobis, David”, analisa o jogador. 

Rafinha firmou-se no início da temporada como um dos melhores jogadores do elenco, sendo inclusive o artilheiro do time. No entanto, ele acabou perdendo espaço no time para a entrada do desenho tático que se apresenta atualmente. 

Na próxima quarta-feira, ele tem a chance de voltar a campo como titular, mas Rafinha torce para que Arrascaeta consiga chegar a tempo e ficar à disposição para poder atuar. Mano declarou nessa quarta-feira que o jogador chegaria no dia 17, data do jogo, por volta das 16h. Há a possibilidade também de Oscar Tabárez, técnico da seleção uruguaia, de liberar o atleta do segundo amistoso dos uruguaios, marcado para o dia 16, contra a Coreia do Sul. 

“Expectativa você tem que ter sempre, independentemente se você vai jogar ou não, é preciso ter esta expectativa dentro de você. O Arrascaeta é um grande jogador, atleta de Copa do Mundo. Quando ficamos sabendo que ele não seria liberado para esse primeiro jogo, a gente ficou chateado porque sempre queremos ter força máxima para enfrentar nossos adversários. Independentemente se ele vai jogar ou não na próxima, eu estou preparado, assim como outros jogadores do elenco. A gente torce para que ele esteja neste jogo porque ele atuou na maioria dos jogos do campeonato”, encerrou o jogador.  

 

fonte: O Tempo

O Leitor Comenta