Renan Filho anuncia para junho convocação de 1.150 policiais e bombeiros - 40graus

Renan Filho anuncia para junho convocação de 1.150 policiais e bombeiros


14/05/18 às 18:44

Redação

Renan Filho anuncia a convocação de aprovados em concurso público (foto: ALE/AL)

governador Renan Filho (MDB) anunciou, nesta segunda-feira (14), que, na primeira quinzena do mês de junho, o Estado vai convocar os 1.000 candidatos aprovados no último concurso da Polícia Militar, além dos 150 aprovados para o Corpo de Bombeiros, também em 2017. O chefe do Poder Executivo anunciou também que, até o final do mês de maio, deve anunciar um novo certame para a Polícia Militar. O número de vagas ainda não foi definido, mas a previsão é a de que 500 sejam ofertadas.

De acordo com o governador, a meta é fazer com que os 1.150 aprovados sejam integrados aos quadros de PM e Corpo de Bombeiros já no início de junho. Para o governador, a convocação é uma prova de seu compromisso com a Segurança Pública. Por meio de rede social, ele declarou também que a medida reflete a responsabilidade fiscal que, segundo Renan Filho, é uma das marcas de sua gestão.

“Alagoas segue na contramão da crise. Estamos realizando concursos públicos e projetando outros para depois do período da eleição, além de formar novos servidores para substituir os policiais e bombeiros que se aposentaram. Todo esse trabalho busca garantir a manutenção do combate à criminalidade. E ao contrário de outros estados, continuamos a pagar os salários rigorosamente em dia”, declarou.

No mesmo comunicado, o governador respondeu a questionamentos que vem recebendo sobre os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Segundo ele, o teto para custeio de pessoal é de 49%, com Alagoas tendo ultrapassado somente o limite prudencial, que é de 46%.

“Alagoas tem um dos melhores salários iniciais para o policial. Estamos trabalhando para cada vez mais melhorar este cenário. As ações da Segurança Pública precisam continuar. Portanto, vamos seguir trabalhando para dar seguimento às ações nas ruas da capital e do interior”, emendou.

Na oportunidade, o governador declarou, ainda, que também trabalha no sentido de convocar mais candidatos, aqueles que ficaram abaixo da lista dos 1.150 aprovados para o curso de formação. “Estamos trabalhando em torno das condições necessárias para tal”, relatou Renan Filho, acrescentando que, após as eleições deste ano, um novo concurso deve ser realizado, desta vez para a Polícia Civil.

Reportagem: Jonathas Maresia / Gazeta de Alagoas

O Leitor Comenta